Seta
Foton Caminhões demonstra expansão de seus negócios no mais importante evento para concessionários de veículos do País
09/2015

Presidida pelo empresário Luiz Carlos Mendonça de Barros, um dos principais economistas do País, e comandada por Bernardo Hamacek, executivo com mais de vinte anos de experiência no setor automotivo, a Foton Caminhões dá prosseguimento ao seu plano de estruturação e expansão da marca no Brasil. A empresa mais uma vez marcará presença no maior evento de concessionários de veículos automotores do Brasil, o 25º Congresso e ExpoFenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores – que será realizado nos dias 15 a 16 de setembro na Expo Center Norte, em São Paulo.

Em seu estande, a Foton Caminhões mostrará ao público dois produtos Premium, que a partir do ano que vem , serão produzidos no Brasil. O caminhão de 10 toneladas, que será o primeiro a ser produzido no País, estará ao lado do modelo de 3,5 toneladas, que atende à legislação que restringe a circulação em grandes centros urbanos. Ambos terão mais de 65% de seu conteúdo nacionalizado atendendo os requisitos do FINAME.

Os veículos da marca possuem qualidade elevada, montados com componentes de renomadas empresas como motor Cummins, transmissão ZF, chassi desenhado pela Lotus e sistema Bosch Common Rail de alimentação eletrônica. Contam também com um pacote completo de equipamentos de série que na concorrência são opcionais.

“Fomos muito procurados por empreendedores interessados em representar nossa marca no evento da Fenabrave do ano passado e nomeamos, desde então, novos concessionários dentro de nossa estratégia de contínua expansão da rede”, diz Bernardo Hamacek, CEO da Foton Caminhões.

Segundo Ricardo Mendonça de Barros, Diretor Comercial e Desenvolvimento de Rede da Foton Caminhões, o objetivo da empresa é chegar a 50 revendas em todo o País até o final de 2017. Estamos em tratativas avançadas com nove grupos que deverão entrar em operação nos próximos meses. “E o momento ideal para conversarmos com estes empreendedores, profissionais que realmente entendem do negócio, é durante o Congresso da Fenabrave”.

Na opinião de Luiz Carlos Mendonça de Barros, o novo patamar da taxa de câmbio no Brasil, depois que o boom de commodities que prevaleceu entre 2006 e 2012 terminou, está determinando o início de uma nova fase da indústria automobilística nacional. Com o real desvalorizado, que deverá perdurar assim por muito tempo, a possibilidade de novos entrantes praticamente se extinguiu, pois a taxa de câmbio inviabilizou a importação permitida nos dois anos iniciais do programa INOVAR AUTO. Por outro lado, quem já se estabeleceu no mercado brasileiro como a Foton, passará a ter grande competitividade nas exportações, principalmente para a região da América Latina. “Nossos parceiros chineses já nos solicitaram iniciar os estudos para prover veículos fabricados no Brasil aos importadores da região, para onde a China já exporta cerca de 5 000 unidades anuais. O elevado índice de nacionalização dos veículos Foton a partir de 2016 se tornará um grande fator competitivo para a marca na região”.

A Foton deve atingir mais de 1300 unidades circulando no final deste ano. No segmento de 2,8 a 3,5 toneladas de PBT, a Foton já detém cerca de 5% de market share e já conquistou o terceiro lugar no ranking de vendas nas regiões Norte e Nordeste do Brasil, no acumulado do ano (período entre janeiro e agosto). “Quem conhece a qualidade dos produtos Foton, que aliam tecnologia e design moderno com eficiência em pós-venda, torna-se facilmente cliente fiel à nossa marca”, finaliza Hamacek.







Assessoria de Imprensa
Vanessa Garbo Salomão
Pauta&Cia - ENVIAR E-MAIL
(11) 3791-0161 / (11) 95453-3000